segunda-feira, dezembro 11, 2017

Os últimos anos têm sido pródigos em notícias impactantes em nosso país. Não há um único dia sequer que não somos alvejados por verdadeiras bombas. Essa conjuntura gera um efeito catatônico: muitos tendem a ficar paralisados, sem ação, perante as indefinições oriundas dessa instabilidade.

Tenho preconizado a necessidade de nos blindarmos quanto a toda essa conturbação. Minha visão é que devemos ter discernimento daquilo que é relevante para nossa vida e que temos influência, das situações onde não temos ingerência, aquelas onde nossa ação não tem efeito.

Alguns encaram essa visão como uma atitude alienante. A perspectiva é que ao adotar essa postura, estou me alienando da realidade, desprezando os impactos do macro contexto e me recolhendo a meu universo.

Respeito essa opinião, porém me parece que é necessário um maior aprofundamento no significado de “alienação”. Uma das definições do termo lhe conceitua como sendo a diminuição da capacidade do indivíduo em pensar ou agir por si próprio.

Pense comigo: concentrar todo seu foco nas notícias diárias de nosso país quando somos inundados, diariamente, por toda sorte de imundícies éticas e de outra natureza, e abdicar da atenção para outras demandas necessárias para sua evolução pessoal, não é uma forma de alienação? Creio que sim, pois, conceitualmente, você estará incorrendo na mesma dinâmica de “diminuição de sua capacidade em pensar ou agir por si próprio”.

Respeitando todas as opiniões, continuo com minha convicção: é necessário que você se blinde de toda essa situação, canalizando sua energia para as demandas prioritárias para sua evolução pessoal.

Isso não significa que você deve ignorar tudo o que está acontecendo. É óbvio que não já que os efeitos são muito sentidos por todos. Porém, equilibre sua atenção desenvolvendo métodos para que as notícias diárias (e às vezes “minutarias”) não lhe tirem da direção correta.

Mais uma recomendação: não deixe de se nutrir de boas referências, de conhecer como outras pessoas como você passaram por adversidades e conseguiram se equilibrar. Essas histórias irão lhe fortalecer e mostrar que a crise é passageira, mas sua existência é plena.

Se tiver de fazer uma escolha por uma das duas, fique com sua plenitude. É mais negócio 😉

Sandro Magaldi é CEO e co-fundador do meuSucesso.com, a maior plataforma de empreendedorismo do Brasil impactando milhões de empreendedores mensalmente. É considerado um dos maiores experts em Gestão Estratégica de Vendas do país e autor do livro “Vendas 3.0: Reposicionando o vendedor, a equipe de vendas e toda a organização” definido pelo Pai do Marketing moderno Philip Kotler como “um daqueles livros que nos faz pensar”.

0 Comments

Leave a Comment

Magaldi nas redes:

INSTAGRAM

LINKEDIN

YOUTUBE

Twitter

Newsletter

Assine minha lista e receba, em primeira mão, todas as novidades que passarem por aqui!