Quem vai liderar o mundo nas próximas décadas?

18 julho 2018

Na declarada guerra comercial entre EUA versus China há muito mais coisas em jogo do que a questão tarifária.

Está em risco a posição de quem liderará a economia mundial nos próximos anos.

No centro desse jogo de xadrez, como não poderia deixar de ser, está a chamada transformação digital.

Estudo publicado essa semana pela McKinsey mostra que a economia chinesa já uma das mais digitalizadas do mundo.

É o país que concentra o maior ecommerce do planeta com 40% de todas as transações realizadas no mundo.

O valor das transações por celular na China é 11 vezes maior do que nos EUA devido a adoção da tecnologia móvel pela população oriental.

Esse movimento gera reflexos no ecossistema empreendedor e no valor de mercado das startups chinesas. De cada 3 Unicórnios no mundo, 1 são chineses.

A intensidade das transformações na sociedade guarda pouco paralelo com outras que já aconteceram na história da humanidade.

As movimentações geopolíticas estão nesse contexto e trazem um cenário inimaginável a décadas atrás.

Qualquer análise desse contexto, atualmente, deve considerar a China obrigatoriamente.

Vamos acompanhar, atentamente, as cenas dos próximos capítulos.

 

P.S. não estou entrando na discussão social Chinesa. Tema muito relevante, porém que não é meu foco nesse texto.